Quarta-feira, 10 de Março de 2004

Este largo rio

tejo.jpg
Amo este largo rio.
Um dia quis perceber.
Tive que ver onde nascia
Tal amor que o levava
A desaguar no mar.
Aprendi que nada
Foi simples.
O amor do rio cresce
Desde o pequeno regato
Que luta entre os rochedos.
Ultrapassa todas as
Barreiras porque sabe
É o mar que o espera.
Mesmo assim desencaminha-se
Vê a rota cada vez mais longe.
Mas algo reclama nele:
- É o mar que persegues!
É pelo mar que corres e lutas.
Não vais ficar neste Lago.
Não é esse o teu destino.
As margens já não
O comprimem mais.
O rio atravessa montanhas.
Fez desabar bem fundo
Aquele rochedo que
Impedia sua trilha.
E assim foi…
Não parou de lutar
O lugar dele é no Mar


Bina Ladina aka NightWitX às 13:09
| ...Comenta...
8 comentários:
De Anónimo a 14 de Março de 2004 às 04:13
Cresci junto a esse rio. Gostei.nmerdas
(http://odio.blogs.sapo.pt)
(mailto:nmerdas@sapo.pt)


De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 22:32
ohh :) o "nosso" rio Tejo. Chave de muitos sonhos...eunaovou
(http://eunaovou.no.sapo.pt)
(mailto:eu_nao_vou@yahoo.com)


De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 21:45
Também este um poema que fala de direcções, de caminhos, de desejos e vontade de seguir até encontrar a casa certa, o cantinho aconchegante... BjitosAnjo Do Sol
(http://mywords.blogs.sapo.pt)
(mailto:anjodosol@sapo.pt)


De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 15:59
"Dias negros e frios" é que não. Prefiro dias negros muito abafados e infernalmente quentes.
...não é só a chuva que cai devido à temperatura...blezebu
(http://www.belzebu.blogs.sapo.pt)
(mailto:belzebu@sapo.pt)


De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 15:46
Inevitavelmente temos todos de nos dirigir para o nosso mar.. é o nosso destino. O modelo do blog tá muito fixe! Parabéns!!Louco
(http://soumaluco.blogs.sapo.pt/)
(mailto:_blog_@sapo.pt)


De Anónimo a 10 de Março de 2004 às 23:52
Se eu sou 1 rio, ja encontrei o meu mar !! :) TATTOOED
</a>
(mailto:KSETATTOOED@hotmail.com)


De Anónimo a 10 de Março de 2004 às 17:07
grande poema! gostei muito...beijitos****morro no altar de ti
(http://vidaeterna.blogs.sapo.pt/)
(mailto:zargarida@hotmail.com)


De Anónimo a 10 de Março de 2004 às 14:17
O rio tem força, tem toda a força para correr, para continuar! Porque tem o seu objectivo, porque acredita nele! Porque deseja, mais do que tudo, alcançar o mar! Por muito perdido que tenha andado, o rio vai sempre acabar por encontrar o seu caminho! Por muito que as margens o comprimam, ele sonha com alcançar a liberdade do mar! Adorei o poema! Amo-te! Amo-te muito!|zAiTz3v||
(http://mdp.blogs.sapo.pt/)
(mailto:zaitz3v@hotmail.com)


Comentar post