Segunda-feira, 10 de Maio de 2004

Noite chuvosa na estrada

rain

Cada gota de chuva
Que via cair no párabrisas
Era mais uma lágrima
Que escorria da tua alma
Não consegui.
Desiludi-te da maneira
Mais vil deste mundo:
Escolhi o meu divertimento
Escolhi a alegre gargalhada
Escolhi a tua solidão.
Desculpa-me nesta noite
De chuva negra,
Esta chuva entorpecedora que
Fez com que adormecesses
Sem sequer poder ver
O meu sorriso apaziguador
Dos teus dias desalentados
Só posso pedir desculpa
Por ter escolhido
O meu prazer egoísta
Nem sequer cheguei
A tempo...
A tempo de te dizer
Olhos nos olhos
Amo-te muito meu doce querido.

Bina Ladina aka NightWitX às 01:53
| ...Comenta...
8 comentários:
De Anónimo a 12 de Maio de 2004 às 21:04
Pa por vezes tb temos k ser egoistas e gastar tempo connosco msm .. Parece mal dzer isto mas k s lixe e' o k eu penso e faco gosto tb ter tempo pa mim e pos amigos e nem sempre s tem tempo pa exa pexoa ...ManudaNightWitx
</a>
(mailto:ManudaNightWitx@Sapo.pt)


De Anónimo a 11 de Maio de 2004 às 23:54
Até num dia péssimo conseguimos fazer uma coisa linda e positiva e esse exemplo está á vista com este belissimo poema,graçagraça
(http://dreams.blogs.sapo.pt)
(mailto:jana_heart@hotmail.com)


De Anónimo a 11 de Maio de 2004 às 23:16
Nem sequer cheguei a tempo. Eu tenho o gosto de gosto ter para ver e ler este blog. Que bonito e a poesia é linda. Afinal temos alma de poetas só falta que o povo viva melhor
Romasiromasi
(http://poemasdeamoredor.blogs.sapo.pt/)
(mailto:romasi@sapo.pt)


De Anónimo a 11 de Maio de 2004 às 20:22
estas sempre a tempo de lh dizer olhos nos olhos "amo te"... duvido que o que fizeste tenha sido algo de condenavel... BEIJOS (k)'Smorro no altar de ti
(http://vidaeterna.blogs.sapo.pt/)
(mailto:zargarida@hotmail.com)


De Anónimo a 11 de Maio de 2004 às 19:42
Por vezes torna-se complicado gerir o tempo e as atenções...jesusrocks
(http://jesusrocks.blogs.sapo.pt)
(mailto:jesusrocks@sapo.pt)


De Anónimo a 11 de Maio de 2004 às 08:53
Lindíssima a forma como te exprimes em poesia dirigida ao teu "mais que tudo". :) Sabes que eu desejo as maiores felicidades aos dois, não sabes? BjinhosAnjo Do Sol
(http://mywords.blogs.sapo.pt)
(mailto:anjodosol@sapo.pt)


De Anónimo a 11 de Maio de 2004 às 05:47
Talvez se não houvesse esse dia, não teríamos este lindo poema e o comentário anterior não deixa nenhuma margem de dúvidas que tudo continua como d'antes.
Um beijo em seu coraçãocarla guedes
(http://www.gotasdeluz.blogger.com.br)
(mailto:gotasdeluz@sapo.pt)


De Anónimo a 10 de Maio de 2004 às 20:24
tu avisaste-me que ias sair, eu sabia... tive tantas saudades, queria tar contigo... mas não precisas de desculpa por te teres divertido, por teres passado um dia bem agradável, por teres apanhado ar fresco... desta vez estivemos separados, mas haverá mais oportunidades de passearmos juntos... amo-te muito, espero que te tenhas divertido ***************|zAiTz3v||
(http://mdp.blogs.sapo.pt/)
(mailto:zaitz3v@hotmail.com)


Comentar post