Quarta-feira, 10 de Março de 2004

Este largo rio

tejo.jpg
Amo este largo rio.
Um dia quis perceber.
Tive que ver onde nascia
Tal amor que o levava
A desaguar no mar.
Aprendi que nada
Foi simples.
O amor do rio cresce
Desde o pequeno regato
Que luta entre os rochedos.
Ultrapassa todas as
Barreiras porque sabe
É o mar que o espera.
Mesmo assim desencaminha-se
Vê a rota cada vez mais longe.
Mas algo reclama nele:
- É o mar que persegues!
É pelo mar que corres e lutas.
Não vais ficar neste Lago.
Não é esse o teu destino.
As margens já não
O comprimem mais.
O rio atravessa montanhas.
Fez desabar bem fundo
Aquele rochedo que
Impedia sua trilha.
E assim foi…
Não parou de lutar
O lugar dele é no Mar


Bina Ladina aka NightWitX às 13:09
| ...Comenta...
|
8 comentários:
De Anónimo a 14 de Março de 2004 às 04:13
Cresci junto a esse rio. Gostei.nmerdas
(http://odio.blogs.sapo.pt)
(mailto:nmerdas@sapo.pt)


De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 22:32
ohh :) o "nosso" rio Tejo. Chave de muitos sonhos...eunaovou
(http://eunaovou.no.sapo.pt)
(mailto:eu_nao_vou@yahoo.com)


De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 21:45
Também este um poema que fala de direcções, de caminhos, de desejos e vontade de seguir até encontrar a casa certa, o cantinho aconchegante... BjitosAnjo Do Sol
(http://mywords.blogs.sapo.pt)
(mailto:anjodosol@sapo.pt)


De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 15:59
"Dias negros e frios" é que não. Prefiro dias negros muito abafados e infernalmente quentes.
...não é só a chuva que cai devido à temperatura...blezebu
(http://www.belzebu.blogs.sapo.pt)
(mailto:belzebu@sapo.pt)


De Anónimo a 11 de Março de 2004 às 15:46
Inevitavelmente temos todos de nos dirigir para o nosso mar.. é o nosso destino. O modelo do blog tá muito fixe! Parabéns!!Louco
(http://soumaluco.blogs.sapo.pt/)
(mailto:_blog_@sapo.pt)


De Anónimo a 10 de Março de 2004 às 23:52
Se eu sou 1 rio, ja encontrei o meu mar !! :) TATTOOED
</a>
(mailto:KSETATTOOED@hotmail.com)


De Anónimo a 10 de Março de 2004 às 17:07
grande poema! gostei muito...beijitos****morro no altar de ti
(http://vidaeterna.blogs.sapo.pt/)
(mailto:zargarida@hotmail.com)


De Anónimo a 10 de Março de 2004 às 14:17
O rio tem força, tem toda a força para correr, para continuar! Porque tem o seu objectivo, porque acredita nele! Porque deseja, mais do que tudo, alcançar o mar! Por muito perdido que tenha andado, o rio vai sempre acabar por encontrar o seu caminho! Por muito que as margens o comprimam, ele sonha com alcançar a liberdade do mar! Adorei o poema! Amo-te! Amo-te muito!|zAiTz3v||
(http://mdp.blogs.sapo.pt/)
(mailto:zaitz3v@hotmail.com)


Comentar post

pesquisar

 

me

Mistérios Recentes

Tantos anos depois..

Just a view

So Cold.. but HERE

Futuro...

Saudade

Delicate... and Blue!!

He's leavin' home

Para onde vais?

Decepção

Dificuldade....

Links MisteriosoS..

Brams de Lata
mY dArK pLaCe

mY dArK pLaCe
Diário de uma Gaija Louca
100 Contemplações
A chegada da Aurora
Burden and Chaos
Lótus... Pedaços de Mim
Distante
Evolving Metamorph
Resignação Nua e Violenta
Ilha das Maçãs

capricorn firedragon

Mistérios do Passado

Fevereiro 2014

Novembro 2013

Março 2013

Dezembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Junho 2012

Fevereiro 2012

Agosto 2011

Maio 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Agosto 2010

Abril 2010

Março 2010

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Setembro 2005

Agosto 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

Fevereiro 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Novembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004

Abril 2004

Março 2004

Fevereiro 2004